Para festas de miúdos... e alguns graúdos*

Os miúdos adoram doces, e por mais que as mães se esforcem para os fazer comer comida saudável durante a semana, surge sempre uma festa de aniversário que estraga tudo.
A minha mãe, grande sábia do submundo das festas de aniversário das crianças, e maior organizadora deste tipo de eventos que conheço, conhecia bem esta realidade, e desde que me lembro que sempre preferi as suas sandes de pasta de queijo e de pasta de fiambre aos bolos (é mesmo verdade!), gelatinas e afins... Tudo porque não são só simples sandes... há nelas aquela nhanhice deliciosa e viscosa que nos faz comer e chorar por mais... empratada de forma artística, com alface e cortada aos triângulos (vamos lá a ver: qual é a criança que não adora sandes sem côdea, e em triângulos!?!? Ora experimentem dar-lhes papos secos em festas de anos que vão ver o que é que elas fazem com isso)! 
Hoje, passo a dar-vos a receita que a minha mãe me passou a mim, e que passo para vocês, daquela que é a verdadeira estrela das festas de crianças e mais recentemente, das Vendas de Garagem!
Depois, passo a mostrar-vos como é que a podem transformar em delícias para os mais crescidos.


Os ingredientes são coisa fácil. Vou dar-vos as quantidades que costumo usar para fazer uma pratada de cada para as Vendas de Garagem:


- 1 embalagem de fiambre (fica melhor com fiambre de frango ou perú!);
- 1 embalagem de queijo;
- 1 embalagem de manteiga que fica de um dia para o outro fora do frigorífico, para ficar mole:
- 1 alface fresquinha;
- 2 pacotes de Panrico sem côdea, um para o queijo e o outro para o fiambre.

1: 
Pegar no fiambre, e partir aos bocados para dentro da "1-2-3" (é assim que a minha mãe lhe chama... vou manter, embora seja uma trituradora).




2: 
Triturar tudo, e meter numa tigela à parte... passamos para o queijo?




3:
O processo é o mesmo, nada que saber.




4:
Depois de ambos trituradinhos e metidos em tigelas, juntamos metade de um pacote de manteiga em cada um.






5:
Mexer tudo muito bem, até ficar uma pasta consistente!
Se estão a preparar de véspera, não podem colocar no frigorífico, porque a manteiga solidifica e não conseguimos barrar no pão.


6:
Lavar várias folhas de alface.


7.
Pegar no primeiro pacote de Panrico sem côdea, e fazê-lo todo em sandes de pasta de fiambre, cada uma com uma folha de alface.
Pegar no segundo pacote de pão, e repetir o processo com a pasta de queijo.
Depois, chega a parte gira: empilhar todas umas em cima das outras, e cortar em triângulos com a serra de cozinha!



8:
Dispôr as sandes de forma apelativa e divertida... vão ver que vão ser um sucesso, e que os miúdos vão adorar, na hora do lanche!


Um bom truque para também interessar os adultos, é fazendo como na nossa terceira Venda de Garagem, onde fiz o mesmo processo, mas com farinheira! Marcharam todas!
Para um jantar com amigos, também podem deixar a pasta acabada de preparar numa tigela bonita, e eles vão tirando conforme querem, e metendo em tostinhas.
;)


As sandes são o lanche residente das Vendas de Garagem até hoje... desde a primeira!



(fotografia da nossa humilde mesa da primeira Venda de Garagem... quem a vê e quem a viu!)
Espero que tenham gostado da receita, e que vos inspire para futuras festinhas ou eventos*


PLIM*!

2 comentários:

  1. Respostas
    1. Olá Luisa!
      Não... apenas tiro a pele e meto na "1,2,3"... É mais fácil fazer de chouriço, e fica também maravilhosa!!

      Eliminar